“Procuro semear otimismo e plantar sementes de paz e justiça. Digo o que penso, com esperança. Penso no que faço, com fé. Faço o que devo fazer, com amor.” (Cora Coralina)

29 de setembro de 2011

Pequenas dicas para alongar a vida

   
-comer chocolate.
Duas barras por semana estendem um ano a vida. O amargo é fonte de ferro, magnésio e potássio..

- pensar positivamente .  
Pessoas otimistas podem viver até 12 anos mais que os pessimistas,  que, além disso, pegam gripes e resfriados mais facilmente, são menos queridos e mais amargos.

- ser sociável.
Pessoas com fortes laços sociais ou redes de amigos têm vidas mais saudáveis que as pessoas solitárias ou que só têm contato com a família.

 - conhecer a si mesmo .  
Os verdadeiros crentes e aqueles que priorizam o 'ser' sobre o 'ter'  têm 35% de probabilidade de viver mais tempo, e de ter qualidade de vida...


Aproveitem as dicas!!!

25 de setembro de 2011

Feliz aquele que transfere o que sabe e aprende o que ensina.

Não sei se a vida é curta ou longa para nós,
mas sei que nada do que vivemos tem sentido,
se não tocarmos o coração das pessoas.
Muitas vezes basta ser: colo que acolhe, braço que envolve,
palavra que conforta, silencio que respeita, alegria que contagia,
lágrima que corre, olhar que acaricia, desejo que sacia, amor que promove.
E isso não é coisa de outro mundo, é o que dá sentido à vida.
É o que faz com que ela não seja nem curta, nem longa demais,
mas que seja intensa, verdadeira, pura enquanto durar.
Feliz aquele que transfere o que sabe e aprende o que ensina.


- Cora Coralina -

22 de setembro de 2011

Para meditar...

"Meu plano para você é perfeito e acontecerá na hora certa. Não tente apressar os acontecimentos, mas observe seu desenrolar e seu desenvolvimento. Não se impaciente se aparentemente a vida andar devagar. Aprenda a esperar por Mim cheio de fé e confiança, e saiba que tudo acontece na hora certa, por que existe uma hora certa e uma estação certa para tudo. Lembre-se, você não pode mudar as estações do ano, você não pode mudar o movimento dos céus ou das marés. O universo está em Minhas mãos, ninguém pode lhe fazer mal. Siga em frente com fé e confiança absolutas, permitindo que Meus milagres e glórias se desdobrem. Nada tema, seja forte e corajoso. Quando houver perfeita paz em seu interior você será capaz de enfrentar as pressões e demandas ao seu redor. Portanto, deixe que Minha paz e Meu amor o preencham e o envolvam, e sinta-se perfeitamente em paz cumprindo a Minha vontade."

(Jesus Cristo)

20 de setembro de 2011

Pensamento do dia

Nosso maior medo não é o de sermos inadequados.
Nosso maior medo é o de sermos poderosos além da medida.
É nossa luz, não nossa escuridão, o que mais nos apavora.
Perguntamos a nós mesmos: Quem sou eu para ser brilhante, esplêndido, talentoso e fabuloso? Na verdade, por que você não seria?
Você é um filho de Deus. Bancar o pequeno não serve ao mundo.
Nada nos esclarece no sentido de nos diminuirmos, para que outras pessoas não se sintam inseguras em torno de nós.
Nascemos para tornar manifesta a glória de Deus que está dentro de nós.
Ele não está em alguns de nós: está em todos nós.
E quando deixamos nossa própria luz brilhar, inconscientemente damos a outras pessoas permissão para fazer o mesmo.
Quando nos libertamos de nosso próprio medo, nossa presença automaticamente liberta outros.


NELSON MANDELA

13 de setembro de 2011

O RIO E O OCEANO

Diz-se que, mesmo antes de um rio cair no oceano ele treme de ...medo.
Olha para trás, para toda a jornada,os cumes, as montanhas, o longo caminho sinuoso através das florestas, através dos povoados, e vê à sua frente um oceano tão vasto que entrar nele nada mais é do que desaparecer para sempre.
Mas não há outra maneira. O rio não pode voltar. Ninguém pode voltar.

Voltar é impossível na existência. Você pode apenas ir em frente.
O rio precisa se arriscar e entrar no oceano.
E somente quando ele entra no oceano é que o medo desaparece.
Porque apenas então o rio saberá que não se trata de desaparecer no oceano, 

mas tornar-se oceano.
Por um lado é desaparecimento e por outro lado é renascimento.
Assim somos nós. 
Só podemos ir em frente e arriscar.
Coragem !! Avance firme e torne-se Oceano!!!


Osho

12 de setembro de 2011

Pensando...

Para sentir-me pleno, tenho que ser estável.
Para ser estável, é necessário equilíbrio.

O equilíbrio entre:

Ser alegre, e não inconveniente.
Ser sincero,e não machucar.
Ser firme nas idéias, e não arrogante.
Ser humilde, e não submisso. 

Ser rápido, e não impreciso. 
Ser contente, e não complacente.
Ser despreocupado, e não descuidado. 

Ser amoroso, e não pegajoso. 
Ser pacífico, e não passivo.
Ser disciplinado, e não rígido. 

Ser flexível, e não frouxo. 
Ser comunicativo, e não exagerado.
Ser obediente, e não cego. 

Ser doce, e não melado.
 Ser moldável, e não tolo.
Ser introspectivo, e não enclausurado. 

Ser determinado, e não teimoso.
Ser corajoso, e não agressivo.

Muitas vezes é necessário caminhar com nossas próprias pernas para sentirmos o poder de nossas forças.




Aprenda com seu corpo



ALGUMAS DOENÇAS E SUAS CAUSAS:


AMIGDALITE: Emoções reprimidas, criatividade sufocada.
ANOREXIA: Ódio ao externo de si mesmo.
APENDICITE: Medo da vida. Bloqueio do fluxo do que é bom.
ARTERIOSCLEROSE: Resistência. Recusa em ver o bem.
ARTRITE: Crítica conservada por longo tempo.
ASMA: Sentimento contido, choro reprimido.
BRONQUITE: Ambiente família inflamado. Gritos, discussões.
CANCRO: Mágoa profunda, tristezas mantidas por muito tempo.
COLESTEROL: Medo de aceitar a alegria.
DERRAME: Resistência. Rejeição a vida.
DIABETES: Tristeza profunda, perdeu a doçura da vida.
DOR DE CABEÇA: Autocrítica, falta de autovalorização.
ENXAQUECA: Medos sexuais. Raiva reprimida. Pessoa perfeccionista.
FIBROMAS: Alimentar mágoas causadas pelo parceiro.
FRIGIDEZ: Medo. Negação do prazer.
GASTRITE: Incerteza profunda. Sensação de condenação.
HEMORRÓIDAS: Medo de prazos determinados. Raiva do passado.
HEPATITE: Raiva, ódio. Resistência a mudanças.
INSÔNIA: Medo, culpa.
LABIRINTITE: Medo de não estar no controle.
MENINGITE: Tumulto interior. Falta de apoio.
NÓDULOS: Ressentimento, frustração. Ego ferido.
PELE (ACNE): Individualidade ameaçada. Não aceitar a si mesmo.
PNEUMONIA: Desespero. Cansaço da vida.
PRESSÃO ALTA: Problema emocional duradouro não resolvido.
PRESSÃO BAIXA: Falta de amor quando criança. Derrotismo.
PRISÃO DE VENTRE: Preso ao passado. Medo de não ter dinheiro suficiente.
PULMÕES: Medo de absorver a vida.
QUISTOS: Alimentar mágoa. Falsa evolução.
RESFRIADOS: Confusão mental, desordem, mágoas.
REUMATISMO: Sentir-se vítima. Falta de amor. Amargura.
RINITE ALÉRGICA: Congestão emocional. Culpa, crença em perseguição.
RINS: Crítica, desapontamento, fracasso.
SINUSITE: Irritação com pessoa próxima.
TIREÓIDE: Humilhação.
TUMORES: Alimentar mágoas. Acumular remorsos.
ÚLCERAS: Medo. Crença de não ser bom o bastante.
VARIZES: Desencorajamento. Sentir-se sobrecarregado.



Você pode curar sua vida (Louise Hay)

5 de setembro de 2011

A Terapia do Riso



Todos já escutaram esta expressão: "rir é o melhor remédio".
Pois bem! A Terapia do Riso, apesar de milenar no oriente, existe como método terapêutico desde a década de 60 com o relato de reversão de uma violenta doença degenerativa de um jornalista americano, que se auto-medicou com a Terapia do Riso.
Cientificamente, o riso pode ser considerado como um grande estimulador da cura. O riso e as gargalhadas são responsáveis por mandarem uma ordem para o cérebro, através do hipotálamo, para sintetizar uma família de substâncias chamadas de endorfinas, mais precisamente as betas endorfinas. Essas substâncias, que são produzidas nos momentos de bom humor e conseqüentemente do riso, são analgésicas, similares às morfinas, mas com potência cem vezes maior.
O simples esboçar de um sorriso, o riso ou uma gargalhada bem gostosa - quanto mais intensa melhor - gera um fluxo de endorfinas que propicia um imediato relaxamento em todo o corpo, uma sensação de bem-estar físico, mental e emocional.
Mais que um simples sorriso, uma graça, situações cômicas, bons pensamentos, bons sentimentos, boas lembranças, pensamentos positivos, palavras de apoio e incentivo já são fatores importantes que estimulam a síntese das endorfinas.
É bom lembrar que sorrir nas adversidades é privilégio dos fortes.

Risos interessantes:
Sorriso aberto: próprio de pessoas extrovertidas, amigas e leais.
Sorriso verdadeiro: demorado e simétrico, provoca rugas nas pálpebras, se instala gradualmente e vai lentamente, despertando sinceridade e confiança.
Sorriso largo: próprio de pessoas abertas e generosas.
Riso constante: próprio da pessoa que está sempre contente e otimista demonstrando força de caráter.
Riso contagiante ou vibrante: próprio de pessoa otimista, desperta a vontade de rir também.

Já os "risos negativos" não causam os benefícios descritos acima, pois não estimulam a síntese de endorfinas.
Riso de boca fechada: próprio de pessoas que controlam o que dizem.
Riso de lado: é do tipo falso. A pessoa disfarça o sorriso para que o outro não o perceba.
Riso falso: em geral é rápido tipo "acende apaga" e não provoca rugas de expressão ao redor dos olhos; é assimétrico pois o rosto fica imóvel.
Rápido: próprio de pessoas egoístas, pessimistas ou introvertidas.

Você já percebeu como as pessoas sorrindo ficam muito mais bonitas? Então... Sorria!!!
 
(Conceição Trucom)

1 de setembro de 2011

Deficiências


"Deficiente" é aquele que não consegue modificar sua vida, aceitando as imposições de outras pessoas ou da sociedade em que vive, sem ter consciência que é dono de seu destino.
"Louco" é quem não procura ser feliz com o que possui.
"Cego" é aquele que não vê seu próximo morrer de frio, de fome, de miséria, e só tem olhos para seus míseros problemas e pequenas dores.
"Surdo" é aquele que não tem tempo de ouvir um desabafo de um amigo, ou o apelo de um irmão. Pois está sempre apressado para o trabalho e quer garantir seus tostões no fim do mês.
"Mudo" é aquele que não consegue falar o que sente e se esconde por trás da máscara da hipocrisia.
"Paralítico" é quem não consegue andar na direção daqueles que precisam de sua ajuda.
"Diabético" é quem não consegue ser doce.
"Anão" é quem não deixa o amor crescer.
E, finalmente, a pior das deficiências é ser miserável, pois:
"Miseráveis" são todos que não conseguem falar com Deus.

Mário Quintana